Você quer viver entre as maiores fortunas do mundo? Escolha uma destas cidades

Miami. Ao contrário de sua provável primeira impressão, Miami é a cidade preferida dos latino-americanos com alto poder aquisitivo, segundo o sexto Relatório sobre Riqueza (Wealth Report) elaborado pela Knight Frank e e pelo Citi Private Bank. O documento acompanha as preferências de investimento e consumo das pessoas de alto poder aquisitivo e revela as tendências globais deste setor. Para os sul-americanos o melhor lugar para negócios nos EUA é Miami, que foi votada como a segunda cidade mais importante do mundo pelos entrevistados latino-americanos (a primeira é Nova Iorque).

O texto revela uma mudança na distribuição da riqueza global dos mercados emergentes para as economias desenvolvidas, tendo em vista que as Pessoas de Alto Poder Aquisitivo (High Net Worth Individuals – HNWI) preferem investir em imóveis de luxo na Europa e nos Estados Unidos – sustentando os preços de propriedades de luxo naqueles lugares. Muitos imóveis de luxo em cidades como Miami e Mônaco estão sendo adquiridos com capitais provenientes de países do BRIC (Brasil, Rússia, Índia, China).

A estabilidade, a transparência nos negócios e os sistemas de educação são critérios fundamentais de preferências para a localização de HNWIs. Entretanto, a segurança pessoal está se tornando também um aspecto primordial para os entrevistados na América Latina.

Também se destaca o papel fundamental que as cidades emergentes desempenharão na captação da riqueza global durante os próximos anos e até 2020… Enquanto Nova Iorque e Londres manterão posições como as cidades mais importantes nos próximos dez anos, cidades de importância média nos mercados emergentes – como Lima e Bogotá – são descritas como cidades “para não se perder de vista”. E nós, aqui no Brasil?

“Aparentemente, as economias de mercados emergentes continuarão crescendo três vezes mais do que as economias avançadas. E, enquanto megacidades como São Paulo e México manterão altos níveis de crescimento, novos centros urbanos começarão a emergir como principais motores de crescimento futuro”, disse Alexander G. van Tienhoven, CEO de Citi Wealth Management para a América Latina. São Paulo (que aparece na foto) deve ser a primeira cidade sulamericana a aparecer no ranking das 10 mais, em 2020. Hoje está em 18o. lugar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: