Inflação dos últimos 12 meses atinge 7,2%

O IPCA de agosto registrou alta de 0,37%, próximo ao consenso e superior a julho (que foi de 0,16%). Com esse resultado, a inflação dos últimos 12 meses atingiu 7,2% (era antes de 6,9%), bem acima do limite superior da meta (6,5%).

A principal pressão de alta foi exercida pela recuperação dos preços dos alimentos, um movimento apenas parcialmente justificado pela sazonalidade, relacionado à restrição de oferta de alguns produtos. Os preços dos alimentos subiram 0,72%, após a queda de 0,34% observada em julho. Outra pressão importante veio dos preços do vestuário, que subiram 0,67%, também acima do que se espera pela sazonalidade.

Por outro lado, os preços de transporte caíram 0,11% (após alta de 0,46% em julho), refletindo a queda temporária nos preços dos combustíveis e passagens aéreas. A inflação de serviços continua em alta (8,9% nos últimos 12 meses).

O cenário de inflação permanece desfavorável, refletindo os efeitos da demanda ainda robusta no mercado brasileiro. Nossa estimativa preliminar para a inflação de setembro é 0,44%.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: